BER: o embaraço sem fim dos alemães, agora com nova data: Março de 2013


Concebido para ser orgulho e a montra do apogeu germânico, súmula simbólica de uma capital reunida, o novo BER - Aeroporto Internacional de Berlim Brandemburgo - tornou-se já numa fonte de vergonha permanente para a engenharia alemã e embaraço para os políticos alemães.

O aeroporto - em bom rigor, uma modernização e ampliação do atual Schonefeld - tinha a sua abertura prevista para 2010 mas tal data foi alterada para 3 de Junho de 2012. No referido fim de semana, e de forma coincidente, o velho aeroporto de Berlim Tegel, localizado no território da antiga Berlim ocidental, seria encerrado concluindo-se assim o programa de concentração aeroportuária da capital alemã numa só estrutura, o que vinha sendo seguido desde do encerramento do conhecido Tempelhof.

Agora, em resultado daquilo que oficialmente foi descrito como uma falha na certificação do sistema de incêncidios do novo aeroporto, os retalhistas do velho tegel suportam já pesadas perdas pois que haviam cancelado fornecedores e contratos de trabalho a partir de 2 de Junho. de idêntico modo, os retalhistas no novo BER vêm ser atrasado um ano o prazo de abertura dos espaços para os quais se preparavam a apenas alguns dias da data anteriormente prevista.

A confusão é maior ao campo das operações aéreas, com as companhias ainda a decidir de que aeroporto operarão a partir da referida data. Com efeito, muitas transportadoras, cavalgando a vaga a abertura do novo aeroporto, haviam anunciado dezenas de novas ligações para a capital alemã (por exemplo, a TAP de Lisboa, a WOW de Keflavik ou as dezenas de novas rotas de médio e longo curso anunciadas pela Lufthansa e pela Air Berlin). A Lufthansa, que se preparava para aumentar de 11 para 39 os destinos servidos à partida de Berlim numa nova estrutura tarifária agressiva  de voos a 49 Euros, ameaça já vir a exigir o ressarcimento pelos prejuízos sofridos.

Alguma imprensa alemã especula já se a  nova data de abertura - 17 de Março de 2013 - será fidedigna, face aos sucessivos atrasos desta pouco germânica novela aeroportuária.

O novo aeroporto, que se espera vir a ser o terceiro do país, terá ligações diretas pela TAP para o Aeroporto de Lisboa e pela Air Berlin para o Aeroporto de Faro.



[esta e demais notícias e promoções, também na página facebook do AIR LOW COST INFO. Consulte, também, anossa versão para dispositivos móveis]

Comentários

EMBARQUE POPULAR