Porto-Veneza, entre as 15 rotas inaugurais da Volotea


Os planos da nova low cost Volotea são, no mínimo, arrojados. A transportadora de capitais espanhóis, fundada pela antigos patrões da Vueling mas baseada em Veneza pretende, num espaço de 3 anos e num continente à beira da recessão económica generalizada, ganhar suficiente mercado para assegurar até 168 rotas. Para tanto propõe-se seguir um modelo de negócio assente nas ligações entre aeroportos médios - evitando os grandes hubs europeus -, numa estrutura tarifária agressiva e na utilização de uma aeronave - o Boeing B717 - cuja relativo fiasco comercial levou à existência em abundância no mercado a preços relativamente baixos: calcula-se que estejam armazenados cerca de 20 a 25 aeronaves deste modelo, não utilizadas e capazes de serem repostas em operação.

Por ora a empresa anunciou o lançamento de 15 rotas à partida de Veneza para Alicante, Bilbau, Málaga, Santiago de Compostela, Bordéus, Brindisi, Cagliari, Salónica, Palermo, Reggio Calabria, Budapeste, Cracóvia, Olbia e Porto. E pretende lançar mais 10 rotas a serem anunciados nos próximos dias para operação ainda este Verão.


Não obstante a temporada estar rapidamente a aproximar-se para uma empresa que pretende iniciar a sua operação no princípio de Abril, as reservas não estão ainda disponíveis e o sítio oficial encontra-se ainda fechado, sabendo-se apenas que a empresa iniciará operações com uma frota de três aeronaves do modelo Boeing acima referido e que poderá iniciar a comercialização de passagens já na próxima semana com tarifas a partir de 19 Euros, todas as taxas incluídas.

[esta e demais notícias e promoções, também na página facebook do AIR LOW COST INFO. Consulte, também, a nossa versão para dispositivos móveis

Comentários

EMBARQUE POPULAR