easyJet lança 5 novas rotas à partida de Lisboa: Amesterdão, Astúrias, Veneza, Copenhaga e Bordéus...

... e ataca diretamente o mercado da TAP. Conhecidas que foram as 5 rotas novas de lançamento da nova base de Lisboa da transportadora low cost britânica, a primeira conclusão a retirar é de que, com exceção feita a Oviedo/Astúrias, as novidades de rotas são, de algum modo, pouco ambiciosas face às expectativas que se foram criando na comunidade aeronáutica. Assim sendo, foram anunciadas novas ligações a 

VENEZA, a terceira rota italiana EZY à partida da Portela, em concorrência direta com os voos diários da TAP Portugal, até aqui única operadora da linha;

AMSTERDÃO,  tendo como maior oponente o grupo Air France/KLM que, através da transportadora KLM e da sua subsidiária para o setor de baixo custo Transavia, assegura a maior parte da oferta disponível no mercado entre Schipol e a Portela. A TAP opera também a mesma rota, numa base diária, mas tem vindo, nos últimos tempos e em função da concorrência que enfrenta, a reduzir a sua oferta.

COPENHAGA, com dois diários da TAP é, depois do desaparecimento da low cost Sterling, mercado monopolizado pela estatal portuguesa sendo que há muito se vinha sentido a necessidade de introdução de um novo operador na linha tendente a estimular a concorrência o que, face ao facto de tanto a escandinava SAS, como a TAP, pertencerem à Star Alliance  se vinha revelando difícil. 

BORDÉUS, linha incorporada na malha de destinos TAP com a aquisição da PGA Portugália, vê serem efetuadas cerca de 5 ligações semanais sob bandeira da transportadora portuguesa em equipamento Embraer 145 com capacidade para cerca de 50 passageiros. De idêntico modo, e com equipamento semelhante (isto é, com uma oferta relativamente reduzida), a Air France vem assegurando a rota em concorrência com a TAP e fazendo uso do equipamento da sua subsidiária, Régional airlines. A chegada da easyJet àquela que será a sua quarta linha francesa à partida da Portela, com equipamento de maior capacidade, introduzirá um aumento considerável na oferta disponível no mercado.

O pequeno aeroporto espanhol de OVIEDO/ASTÚRIAS constitui, provavelmente e neste contexto, a aposta menos esperada e, como tal, mais inovadora. Não existe, atualmente, qualquer transportadora a efetuar esta rota e a própria easyJet tem tido alguma dificuldade em assegurar algumas das ligações que lançou para o Aeroporto (a rota doméstica que havia lançado para Madrid acabou cancelada por falta de rentabilidade).

Os voos não estão ainda disponíveis para reserva pelo que se desconhece a frequência sabendo-se apenas que as operações terão início em Abril de 2012.

[esta e demais notícias e promoções, também na página facebook do AIR LOW COST INFO.


Comentários

EMBARQUE POPULAR