Ryanair em Faro obriga à redefinição de transportes urbanos

A necessidade, já há muito sentida, tornou-se problemática no ano de 2010 com a inauguração da base Ryanair no Aeroporto de Faro: a capital algarvia não dispõe de transportes públicos de ligação do Aeroporto ao centro da cidade às horas mais necessárias, como seja às 5 da manhã e depois das 23 horas de cada dia. Tais são, por exemplo, as horas de pico da ryanair com a partida quase simultânea de até 7 aeronaves e a chegada das mesmas das suas sucessivas e múltiplas ligações diárias a Faro pelas 23h de cada dia.

Ora, até aqui os transportes colectivos oferecidos pela cidade encontravam-se concentrados no período das 9 às 20h tornando Faro, muito provavelmente, num dos aeroportos europeus de categoria média (acima dos 5 Milhões de passageiros/ano) com pior sistema de transportes públicos.

Em face disto, o Turismo do Algarve, a Direcção do Aeroporto de Faro e representantes da EVA Transportes reuniram-se hoje para definir uma estratégia de resposta por parte dos transportes públicos ao aumento de passageiros trazidos pela Ryanair, devendo, tudo indica, ser alterada a rede de transportes públicos da cidade a tempo do início do Verão IATA 2011, próximo Março, assim se respondendo à reentrada em pleno da base da Ryanair com todas as suas 7 aeronaves em operação e restante aumento de operação das demais companhias.

Comentários

EMBARQUE POPULAR