Aeroporto de Faro procura novos operadores


O site institucional anna.aero, dedicado exclusivamente ao estudo da área comercial do networking e marketing aeroportuário, tem vindo a evidenciar-se no seu sector em face das sinergias que potenciou no contacto entre, por um lado, companhias aéreas e operadores e, por outro, aeroportos. O seu "Route Shop" constitui já consulta diária obrigatória para responsáveis de operações de companhias aéreas e aeroportos em todo o mundo.

A mais recente adesão a esta "bolsa de rotas disponíveis" onde constam, por exemplo, as autoridades aeroportuárias de Helsínquia, Atenas ou Bruxelas, foi o Aeroporto de Faro que ali apresenta as suas vantagens comparativas a potenciais operadores bem como rotas preferencias cuja exploração a administração pretende incentivar.

Assim, o Aeroporto de Faro busca novos operadores, potencialmente low cost, para assegurar a ligação Faro-Paris. Esta rota é assegurada sazonalmente, de Fevereiro a Outubro, pela francesa Aigle Azur e durante todo o ano, mas com stop over, pela TAP Portugal.

Faro - Londres Heathrow é a outra das rotas pretendidas. Sendo a ligação à capital britânica a mais apetecível e lucrativa, contando com largas dezenas de frequências por semana, o aeroporto de Faro não tem, de momento, qualquer ligação ao principal aeroporto londrino. O voo era anteriormente efectuado pela British Airways, tendo cessado aquando da aquisição da franchisada da BA - a GB airways - pela easyJet.

Madrid é um dos mais desejados regressos pelas autoridades e empresariado algarvio. Depois de incialmente a ligação ter sido assegurado pela IBERIA regional, a low cost Ryanair tomou conta da rota, numa operação diária que espantou a Iberia. Um ano depois do seu começo e de um folhetim na imprensa sobre a alteração do nome do Aeroporto de Faro, a gigante irlandesa abandonou a linha numa decisão ainda hoje polémica. A easyJet poderá, agora, estar na mira do Aeroport de Faro para essa linha.

Genebra seria um regresso há muito desejado de uma linha cuja operação cessou nos anos 90, com a política de concentração da TAP no seu "hub" de Lisboa. Será, à semelhança de Milão (outro destino pretendido pelo Aeroporto de Faro) uma rota potencialmente na mira da Easyjet.

Basel (actualmente operada sazonalmente pela TUI Fly), Viena (operada também sazonalmente pela Austrian Airlines) e Varsóvia (até aqui operada pela centralwings) são outras ligações alvo dos desejos de incremento do Aeroporto de Faro.

[direitos de autor da foto do Aeroporto de Faro ao fotógrafo Luís Rosa]

Comentários

Eduardo Castro Fonseca disse…
A BMIBaby vai comecar a voar de Lisboa para Cardiff a partir de Marco do proximo ano.

A EasyJet devera apenas interromper Lisboa-Bristol durante o Invero... a rota devera regressar em Marco do proximo ano, embora ainda nao esteja confirmado.

EMBARQUE POPULAR